segunda-feira, 25 de junho de 2012

Bar da Vendinha – Campinas



Já fazia um bom tempo que eu planejava conhecer o Bar da Vendinha até que finalmente, com o empurrão do amigo e seguidor Alexandre Toloto, que também tinha ouvido falar bem do boteco, partimos para o local.
Nossa primeira tentativa foi frustrada. Chegamos em um sábado por volta das 20:30 e o bar estava fechado.
Na outra semana lá estávamos nós, sexta-feira, às 19:30.
Chegamos e deparamos com um boteco de esquina bem iluminado e simplesmente lotado.
As mesinhas ficam na calçada debaixo de grandes árvores, na varanda coberta e em uma espécie de quintal.
O espaço interno do bar é pequeno e reservado para acomodar os freezers, o balcão, com apetitosos salgados de estufa, a chapa de onde saem a maioria dos petiscos e o caixa.

Marcelo e Eberton, proprietários do Bar.

No comando do bar estão o Marcelo e o Eberton, que muito simpáticos me contaram um pouco da história do bar.
No local, funcionou uma vendinha por mais de 40 anos. Quando montaram o bar no mesmo ponto, acharam legal manter a tradição e decidiram chamá-lo de Bar da Vendinha, o qual já completou 5 anos, com muito sucesso.
Apesar do movimento, o ambiente é super tranquilo, frequentado em sua maioria, por senhores do bairro.


Carro-chefe da casa: Lanche de Linguiça com Ovo.

Ao pedir o cardápio, descobrimos que não há, mas o Marcelo me falou que estão providenciando sua impressão e que em breve estará disponível.  Como a maioria dos clientes frequenta o bar há tempos, já sabem de cor e salteado o que o bar oferece e nem sentem falta. Mas com a chegada de novos clientes, tenho certeza que o cardápio ajudará muito, pois sem saber o que o bar oferece comemos mais de 7 tipos de petiscos, imaginem só se a gente soubesse!

Dá uma olhada neste Torresmo (unidade).


E esta Porção de Torresmo???
Não vão achar que somos mortos de fome, mas é que a cozinha desse boteco é de outro mundo.
O carro-chefe do bar é o lanche de linguiça com ovo, e grande saída tem a porpeta, o lanche de pernil e o torresmo.

Porpetas - impossível comer uma só!

Dicas da Mi:
  • Lanche de Linguiça (linguiça, ovo, queijo, tomate)
  • Lanche de Pernil (pernil, queijo e tomate)
  • Lanche de Contra-Filé (contra-filé, ovo, queijo e tomate)
  • Porpeta (bolinho de carne moída à milanesa)
  • Porção de Berinjela Italiana (finas fatias de berinjela no azeite, alho, tomate e pimenta)
  • Rosbife com Alcaparras (acompanha pãozinho)
  • Torresmo (picado ou porção)
  • Batatinhas em Conserva

Sensacional Lanche de Pernil.

O lanche de linguiça é ma-ra-vi-lho-so e preparado no capricho. Do jeito que chegam, somem da mesa. O torresmo é divinamente saboroso, crocante e sequinho. A porpeta é tão deliciosa que foram pedidas mais de 8 unidades. E tão gostosos quanto, são os demais petiscos preparados por lá.
Todos os pedidos vem acompanhados de umas pimentinhas especiais e de um delicioso vinagrete.

Deliciosa Porção de Berinjela Italiana.

O atendimento é realizado por uma dupla pra lá de especial, o Jerry e o Marcos, que além de nos atender muitíssimo bem, bateram papo, tiraram fotos, arrumaram as mesas, ofereceram outros tipos de petiscos e claro, não deixaram que faltasse a cerveja nem em pensamento, que como não poderia ser diferente, chegava à mesa estupidamente gelada.
Aos domingos, o bar prepara os assados para a hora do almoço, os quais tem muita procura e fazem sucesso.

Rosbife Caprichadíssimo!!!

O bar funciona de segunda a segunda, e seu dia de maior movimento é a sexta-feira. Aos sábados costuma fechar mais cedo, por volta das 20:00hs, ou até quando tiver cliente.
Sinceramente, o Bar da Vendinha é um daqueles lugares que deixa um gostinho de quero mais e  que com certeza, ganha um novo e fiel cliente depois da primeira visita.
Na minha opinião, esse sim é um bar digno de participar do Comida di Buteco e vou torcer para que isso aconteça ano que vem.
Desejo muito sucesso à toda equipe do bar, que certamente, passou a fazer parte do meu time de bares preferidos.

Jerry, Seu Vitinho (frequentador assíduo do bar) e Marcos.


Bar da Vendinha - $
Rua Amilar Alves, nº 165 – Vila São Jorge
Campinas – SP
Tel (19) 3307-8048

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Restaurante do Amadeu – Mogi Mirim


Adoro quando recebo e-mails dos meus leitores com sugestões de lugares bacanas e essa matéria foi uma excelente dica do seguidor Bob Carlucci, que me indicou o Restaurante do Amadeu, tradicional da cidade de Mogi Mirim.
O passeio por si só já vale a pena, pois o restaurante está localizado em uma linda estrada, conhecida popularmente como Estrada da Cachoeira.
Chegando ao local, encontramos um grande e bem estruturado restaurante e com amplo estacionamento, onde de imediato um rapaz sinalizou o melhor lugar para estacionarmos a motocicleta.
O restaurante é dividido em dois ambientes, sendo um interno e uma deliciosa varanda, com uma bela vista para a Represa do Rio Mogi-Guaçu.
A especialidade da casa é peixe, mas no cardápio há também porções, carnes, massas, saladas e sobremesas.
O carro-chefe da casa é o pintado na brasa, e também tem grande procura a moqueca e o rodízio de peixe.
Mesmo com tantas indicações, ao olhar o cardápio variado e apetitoso, não resistimos e pedimos uma caldeirada.
De entrada, para aliviar a fome, é servido um couvert composto por pãozinho, vinagrete e molho rosé.

Couvert cortesia

Diferente de todas as caldeiradas que já comi, a do Restaurante do Amadeu é preparada com salmão e leva alguns ingredientes como ervilha, palmito e cenoura, além dos já tradicionais mariscos, lula, camarão e polvo.
Feita no capricho, com excelentes ingredientes, especialmente temperada e com um caldo encorpado, a tal caldeirada é simplesmente maravilhosa.

Dicas da Mi:
  • Caldeirada (filé de salmão, siri, lula, polvo, marisco, molho de tomate, leite de côco e azeito de dendê, acompanha arroz, pirão e farofa)
  • Pintado na Brasa (pintado no espeto, com cebola e pimentão, acompanha arroz e farofa)
  • Moqueca à Baiana (postas de peixe ensopado com cebola, tomate, pimentão, azeite de dendê, leite de côco e olho de camarão)
  • Abadejo ao Molho Manteiga (filé de abadejo grelhado com alcaparra e champignon, servido com arroz e pirão)
  • Peixa à Cachoeira (filé de peixe à doré, com molho de camarão, servido com arroz e purê de batata)
  • Rodízio de Peixes (saladas, torresminho de peixe e peixes assados, fritos, ensopados, à parmegiana e à milanesa) 

Deliciosa Caldeirada

O atendimento da casa merece destaque e todo respeito, pois a maioria dos garçons trabalha no restaurante praticamente desde sua inauguração. A equipe é gentil, atenciosa e muito eficiente.
Observando o movimento absurdo, nota-se o passa-passa dos garçons servindo o famoso rodízio de peixes em muitas mesas, e os pratos servidos são de dar água na boca.
E para quem tem filhos, o restaurante também é uma ótima opção, pois na parte externa há um bonito espaço para as crianças brincarem.
O Restaurante do Amadeu é garantia de satisfação e certeza de um breve retorno.

Playground para a criançada


Restaurante do Amadeu  - $$
Rodovia Luiz Gonzaga de Amoedo Campos, nº 1.800 - Cachoeira
Mogi Mirim - SP
Tel (19) 3806-3665
www.restauranteamadeu.com.br

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Cervejaria Stefanelli - O Rei da Linguiça – Campinas (FECHOU)


Há algum tempo, recebi um e-mail de uma simpática leitora que dizia sentir  falta do boteco preferido dela aqui no Dicas da Mi.
Então, a pedidos da Neu, hoje escrevo sobre um bar que tem uma história que merece ser contada.
Oficialmente, seu nome era Bar Paulista, mas ficou conhecido por Bar da Linguiça, como era chamado por seus fiéis frequentadores.
Aberto em 1937, foi o primeiro bar a funcionar 24 horas em Campinas. Depois de anos de tradição, de visitas de inúmeros famosos e de grandes histórias ocorridas no local, para tristeza de seus frequentadores, o bar fechou as portas em 2007, deixando um grande vazio.

Um pouco da história do bar

Em consideração a toda essa rica história, um dos sócios, Sr. Ambrosio Stefanelli, resolveu reabrir o bar em 2008, em outro local, novo estilo e com um nome dedicado a sua família. 
Assim nasceu a Cervejaria Stefanelli – O Rei da Linguiça, que sem fugir das origens e para alegria geral na nação, prepara os deliciosos e tradicionais lanches de linguiça caseira.
No cardápio, como não poderia ser diferente, a maior parte das opções são à base da famosa linguiça, mas há também pernil, frango e algumas porções como torresmo, mandioca, croquetes, entre outros.
A estrutura do local é bem atraente. Uma casa ampla, dividida em ambiente interno, um bom quintal e um delicioso deck com bela vista para a arborizada avenida.

Rei Tradicional Vinagrete

Dicas da Mi:
  • Rei Tradicional Vinagrete (linguiça de lombo de porco com muçarela derretida e vinagrete)
  • Rei Coroado Vinagrete (linguiça de lombo de porco com ovo, muçarela derretida e vinagrete)
  • Provolone do Rei (linguiça de lombo de porco com provolone derretido)
  • Imperador Coroado (linguiça de lombo de porco com ovo, gorgonzola e vinagrete)
  • Risoles de Palmito (porção com 12 unidades)
  • Delícia do Rei (porção de linguiça frita acebolada, com mandioca frita e cesta de pães)
  • Caldo de Feijão com Linguiça


Rei Coroado Vinagrete

Os lanches e porções são super caprichados e muito apetitosos, e vem acompanhados de uma perfumada e arretada pimenta.
A cerveja é servida em baldes com gelo, perfeita para acompanhar os saborosos lanches da casa.
Em 2010, participou do concurso Comida di Buteco, com o lanche Rei Coroado Vinagrete.
No inverno a casa trabalha com caldos de feijão e mandioca.
E para aqueles que além de comer muita linguiça ainda quiser levar a iguaria para casa, as mesmas são vendidas no local.

Cervejinha trincando

Cervejaria Stefanelli – O Rei da Linguiça - $$

Av. Ayrton Senna da Silva, nº 404 - Jardim Proença
Campinas - SP
Tel (19) 3251-5558
http://www.cervejariastefanelli.com.br/

terça-feira, 5 de junho de 2012

Adega Santo Antônio – Campinas



Hoje vou falar sobre um dos lugares mais tradicionais de Campinas, a Adega Santo Antônio. Inaugurada em 1967 e localizada numa bela esquina no bairro Ponte Preta, a Adega é um misto de botequim e restaurante.
A casa é dividida em dois ambientes. Um em torno do balcão, com salgados na estufa, pizzas em pedaços, prateleiras com bebidas de todos os tipos e algumas mesinhas. O outro é um salão envidraçado cheio de mesas onde os clientes se acomodam para comer tudo de bom que o bar e restaurante oferece.

Bolinhos de Bacalhau e Croquete de Carne

Por ser uma casa portuguesa, o bolinho de bacalhau é o carro-chefe. Porém tão famosos quanto, são a pizza de muçarela, a sardinha na brasa e o bife à parmegiana. Pela diversidade, dá para ter uma idéia das iguarias preparadas no local.
No cardápio há de tudo um pouco, por isso a casa agrada tanto quem procura um boteco quanto quem procura um restaurante. De petiscos, lanches, salgados e acepites a pratos mais elaborados, saladas caprichadas e uma infinidade de pizzas.

Tradicional e incomparável Pizza de Muçarela

Dicas da Mi:
  • Bolinho de Bacalhau
  • Pizza de Muçarela (muçarela, tomate em rodela e azeitona preta)
  • Pizza Portuguesa (muçarela, presunto, ervilha, ovo, palmito, azeitona preta e cebola)
  • Pizza Lusitana (presunto gordo, filé de frango, tomate picadinho, ervilha e catupiry)
  • Salada de Bacalhau (bacalhau, batatas, cebola, azeitonas e cheiro verde)
  • Bife à Parmegiana (acompanha arroz e fritas)
Pizza Portuguesa

O atendimento é um caso à parte, pois a maioria dos garçons trabalha no local desde o início, conhecem bem a casa e os itens do cardápio, assim como oferecem excelentes sugestões.
Fomos atendidos pela dupla Lopes e Sebá, duas graças de senhores bem humorados e rápidos, que não deixaram faltar cerveja na mesa e muito menos um guardanapo sequer.
A Adega é frequentada por seu público fiel e costuma estar sempre lotada. De segunda e terça-feira, a cerveja tem preço promocional e a casa agora trabalha também com Budweiser, entre outras marcas de cerveja. Vale a pena conferir.
Tradição, qualidade e satisfação só mesmo em lugares como a Adega Santo Antônio. 


Adega Santo Antônio - $$
Av. Dr. Ângelo Simões, nº 570 - Ponte Preta
Campinas - SP
Tel (19) 3234-2411